A ex-cantora Gretchen, se identifica como ‘evangélica’ nos lugares onde passa. Ela é mãe de Tammy Miranda, que se assumiu homossexual em 2006, e posteriormente homem trans em 2014.

Gretchen deu uma declaração afrontosa em uma recente entrevista, afirmando que foi escolhida por Deus para ser mãe de uma transsexual.

A afirmação foi feita durante uma entrevista no Programa A Tarde É Sua, da RedeTV!, ela falou que o papel de mãe de uma pessoa com essa particularidade foi conferido a ela por Deus.

“Fui escolhida por Deus para várias coisas: ser mãe de trans, presenciar violência doméstica e ser filha de um alcoólatra, sem carregar traumas na vida. Eu aprendi a me defender de tudo. Não ficou trauma, pelo contrário, fiquei mais forte”, declarou Gretchen, mencionando os casos de agressão de seu pai contra sua mãe.

Gretchen tem um passado obscuro, a ex-cantora chegou a gravar  filmes pornográficos durante alguns anos. Ela também é mãe de Jenny Miranda, modelo e dançarina, anunciou sua conversão em maio de 2017 e passou a frequentar a Bola de Neve Church ao lado do noivo, Artur Jesus, jogador de futebol.

Deixe seu Comentário